Plano de Trabalho para Toda Vida

Sem comentários

A busca pela felicidade é algo que movimenta as nossas vidas. 

E ela torna-se mais aparente naqueles eventos que marcam o passar dos nossos anos… 

A nossa formatura… 

Um trabalho novo… 

Um jantar especial… 

A viagem das férias… 

A chegada de um filho… 

Enfim, dias de conquistas especiais, espalhados entre as dezenas de milhares de outros dias da nossa jornada…

E são nestes outros dias em que somos testados, muitas vezes em nossos limites….

E diante dos inúmeros problemas que surgem no caminho, cada um de um tamanho e forma diferente, chegamos a pensar em desistir… 

em jogar a toalha… 

em deixar tudo pra lá…

E quando as conquistas começam a ficar mais raras, chegamos a decretar que esse negócio chamado felicidade não é pra gente…

É justamente aqui que precisamos compreender a felicidade não como um evento, mas sim como um processo… 

Um processo que é empreendido diariamente, de forma consciente, a partir de pequenas e regulares atitudes. 

Não, eu não acredito em Fórmulas de Felicidade. 

Acredito sim em Atitudes. 

São elas que colocam a gente numa rota de melhores resultados… 

Em uma vida com mais propósito e mais protagonismo…

Para isso, há alguns anos tracei para mim mesmo um Plano de Trabalho para Toda a Vida… 

Um lembrete permanente, que pudesse trazer comigo, e que reúne dez pequenas atitudes que, para minha surpresa, vem impactando milhões de pessoas ao redor do mundo. 

É uma verdadeira revolução do pouquinho. 

E ela tem ajudado muita gente a transformar a felicidade em um processo menos dependente de eventos e muito mais sustentável no dia a dia… vamos lá?

Faça o que é certo, não o que é fácil… 

O nome disso é Ética.

Pra realizar coisas grandes, comece pequeno… 

O nome disso é Planejamento.

É preciso aprender a dizer ‘não’…

O nome disso é Foco.

Parou de ventar? Então, comece a remar… 

O nome disso é Garra.

Não tenha medo de errar, nem de rir dos seus próprios erros…

O nome disso é Criatividade.

A sua melhor desculpa não pode ser mais forte que o seu desejo…

O nome disso é Vontade.

Não basta apenas ter iniciativa. Também é preciso ter ‘acabativa’… 

O nome disso é Efetividade.

Se você acha que o tempo voa, então trate logo de ser o piloto…

O nome disso é Produtividade.

Desafie-se um pouco mais a cada dia… 

O nome disso é Superação.

Para todo ‘game over’, existe sempre um ‘play again’… 

O nome disso? É Vida.

Quando colocamos em prática a nossa Revolução do Pouquinho, começamos a perceber que a nossa felicidade também habita nos detalhes, aqueles que muitas vezes vamos deixando de dar importância…

E passamos a compreender que são elas, as pequenas atitudes, que provocam verdadeiras e grandes transformações… 

Escrito por Eduardo Zugaib

Veja aqui o vídeo oficial do Plano.

Artigo anterior
Filosofia Bruta em tempos de crise

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Por favor insira um endereço de email válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu